Fotografia e histórias: Humans of New York

14 out

“Humans of New York” é projeto é muito interessante que valoriza a história e aprendizado de vida de cada pessoa.

O fotógrafo americano Brandon Stanton retrata pessoas comuns na cidade de New York e associa este retrato a um momento, história de vida ou emoção de seus “modelos” por meio de um pequeno texto que acompanha a foto.

Site Humans Of New York

Site Humans Of New York

O projeto começou em 2010 e já está disponível em diversas mídias sociais, a página no Facebook  já conta com mais de 15 milhões de seguidores e inspirou a criação de páginas semelhantes ao redor do mundo: Humans of São Paulo, Humans of London, Humans of Berlim. Eu particularmente não gostei muito da página Humans of São Paulo, não vi a mesma profundidade nos textos e histórias, mas acessem e tirem suas próprias conclusões.

Nas últimas semanas vi que eles retrataram diversos refugiados da guerra na Síria, com algumas histórias muito comoventes, como esta, em que um homem conta que foi chicoteado apenas por ter feito a sua barba, ato proibido pelo Estado Islâmico:

Depoimento de refugiado que levou chicotadas por ter feito a barba

Também adoro os retratos das crianças, elas tem comentários e observações muito criativas:

Criança em humans of new york

Obs: Vi que é possível comprar o livro do projeto pelo site da Amazon. (Presentes?)

Ainda sobre fotografia, retratos e histórias, recentemente assisti uma palestra fantástica do fotógrafo sul africano Norman Seeff (https://www.facebook.com/NormanSeeffProductions?fref=ts). Norman é especializado em tirar retratos de personalidades e tem uma técnica impressionante para retratar a essência das pessoas em suas fotos, esta técnica consiste em criar empatia com seus entrevistados por meio de uma conversa franca e aberta. O registro das sessões fotográficas  também é feito em vídeo,  foi impressionante ver como este relacionamento entre fotógrafo e “modelo” faz a diferença no resultado final das fotos, seguem duas fotos com dois gênios:

Retrato Steve Jobs por Norman Seeff

Retrato Ray Charles por Norman Seeff

Acredito muito na espontaneidade da fotografias, às vezes vejo algumas fotos em que eu não sabia que estava sendo fotografada e me vejo retratada nestas fotos,  mais do que em fotos produzidas, algo a se pensar antes de falar aquele clássico “X”, espero que tenham gostado desta dica de fotografia.

Até a próxima Paty Dica

Anúncios

Comente / Deixe a sua dica

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: